18/08/2010

Seminário mostra potencial de Mauá para formalizar 9 mil pequenos empreendimentos
Evento na Câmara Municipal demonstrou vantagens de negociantes ingressarem no MEI

Evandro Oliveira/ PM

O público inscrito no Seminário lotou o auditório da Câmara

Aposentadoria, a possibilidade de ter um funcionário legalizado, acesso a linhas de crédito: estes são alguns benefícios para o pequeno empreendedor em formalizar seu negócio ingressando no MEI (Microempreendedor Individual). O tema foi discutido na manhã desta quarta (18/8) no Seminário Mais Oportunidade, Menos Burocracia, organizado pela Prefeitura de Mauá na Câmara Municipal. O evento teve a audiência de 190 inscritos, além das autoridades presentes.

Na abertura, o Prefeito Oswaldo Dias lembrou da necessidade de que os empreendedores de Mauá tenham os seus negócios formalizados. A cidade teve um alto índice de ocupação nas décadas de 1970 e 1980, mas a estrutura municipal só começou a crescer de maneira similar a partir da década de 1990.

Hoje, a lei dá subsídios para o ingresso dos profissionais na formalidade – e a Prefeitura está se estruturando para oferecer serviços que facilitem esse ingresso. “Queremos construir uma Mauá com trabalho e com renda, e que seja uma Mauá legal”, disse Dias.

A cidade tem 550 MEIs em processo de formalização. Mas, segundo o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Edilson de Paula, a estimativa é de que Mauá tenha cerca de 10 mil empreendedores na informalidade – ou seja, mais de 9 mil pequenos negócios ainda podem ingressar no MEI.

O Centro Público de Trabalho e Renda (Rua Manoel Pedro Jr., 45 – Vila Bocaina) já recebe e cadastra interessados em oficializar seus negócios. “E a Secretaria tem hoje o projeto da Casa do Empreendedor, que será o canal oficial para o diálogo com os MEIs”, afirmou Edilson.

No seminário, o representante do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), José Roberto Rodriguez Silva, falou sobre a Lei Complementar 123/2006, que criou os MEIs. Ele lembrou que determinadas categorias – advogados, engenheiros, médicos e escritores, por exemplo – não se encaixam na definição de microempreendedor individual.

A gerente executiva do INSS Fátima Conceição Gomes falou das facilidades da Previdência para os MEIs. E o representante da Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Mauá, Altino da Silva Dias, explicou como os contabilistas podem ajudar na tarefa de constituir uma nova empresa.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
18/08/2010 15:07


Outras Notícias

15/02/2019

CPTR de Mauá oferece 18 vagas de emprego

São 14 oportunidades para candidatos com ensino médio completo

14/02/2019

Boatos sobre integração de ônibus em Mauá causa transtorno aos munícipes

Veja também esclarecimentos sobre o Passe Escolar

12/02/2019

Mauá inicia campanha de combate ao mosquito Aedes Aegypti

Casos de chikungunya e dengue tiveram redução significativa em Mauá nos últimos anos

07/02/2019

Prefeitura de Mauá recepciona profissionais do programa Mais Médicos

Integração foi realizada para que os médicos se conhecessem e entendessem mais sobre o município escolhido para atuação

06/02/2019

Abrem as inscrições para a prática de esportes gratuitos em Mauá

Centenas de jovens e adultos se beneficiarão

04/02/2019

Conselho Tutelar de Mauá inaugura nova sede

Local dará mais assistência às famílias, com mais conforto e infraestrutura

31/01/2019

CPTR de Mauá oferece 14 vagas de emprego

São nove oportunidades para candidatos com ensino médio completo

31/01/2019

COMUNICADO

30/01/2019

1º Festival da Adoção de animais será neste sábado, no Mauá Plaza Shopping

Evento será mensal e visa doar cachorros e gatos com qualidade no acolhimento

29/01/2019

Gestores escolares e professores realizam formação antes do início das aulas em Mauá

Saiba mais sobre o cadastramento e recadastramento do cartão escolar