Visite a Prefeitura no Instagram Visite o canal da Prefeitura no YouTube Visite a Prefeitura no Flickr Visite a Prefeitura no Facebook Siga a Prefeitura no Twitter

31/05/2010

Oswaldo Dias defende a sensibilização dos governos e da Assembleia
G100 quer incorporar novas adesões e criar uma agenda de discussões pelo País

Roberto Mourão/ PM

Prefeito de Mauá durante fala no evento

O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias, defendeu que os municípios que integram o G100 procurem sensibilizar os governos e a Assembleia Legislativa sobre a necessidade de uma nova política de distribuição de riquezas. A proposta ocorreu durante a quinta reunião do G100, em Ferraz de Vasconcelos, na segunda-feira (31), que contou com representantes de Carapicuíba, Embu, Francisco Morato, Franco da Rocha e Itaquaquecetuba.


O G100 reúne os 100 municípios com mais de 80 mil habitantes e receita per capita abaixo de R$ 1 mil. Segundo Dias, estatísticas do ano de 2008 apontam que, na diferença orçamentária entre as cidades, a receita per capita dos municípios do G100 era de R$ 798,10, enquanto a média nacional alcançava R$ 1.415,90.

Menos dinheiro para quem tem mais problemas sociais

Durante a reunião, o prefeito de Mauá disse que considera extremamente importante que os municípios busquem a imprensa local para esclarecer a população sobre as consequências da diferença orçamentária. Também participaram do encontro representantes dos municípios de Biritiba Mirim, Bragança Paulista e Taubaté.


Dias deu como exemplo o fato de Mauá ter uma refinaria de petróleo em seu território, mas o produto é distribuído por São Caetano do Sul a quem cabe a arrecadação de impostos. Enquanto Mauá tem 460 mil habitantes, São Caetano tem 151 mil e o melhor Índice de Desenvolvimento Humano do País.


“A ideia é criar um carimbo do G100, para que quando forem feitas reivindicações, os governos saibam que o município precisa de uma atenção especial”, explicou o prefeito de Ferraz de Vasconcelos, Jorge Abissamra. Ele afirmou que os municípios prejudicados com a má distribuição de recursos são os que mais sofrem com os índices de violência, vulnerabilidade social e que atendem as populações mais carentes.
 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
31/05/2010 15:12


Outras Notícias

15/08/2017

Veja calendário de oficinas culinárias em agosto

Cursos gratuitos acontecem no Zaíra e na Vila Mercedes e trazem diferentes opções para agradar todos

14/08/2017

Mauá discute melhorias na saúde

Profissionais da rede pública participam de pré-conferência nesta semana sobre humanização do atendimento

11/08/2017

Mauá tem 23 vagas de emprego

Há postos para setor de indústria e serviços, todos para trabalhar na cidade

10/08/2017

Mauá terá Festival de Violeiros

Prefeitura premiará composições e artistas em festa que acontece no dia 15 de setembro na cidade

09/08/2017

Parceria entre Mauá e Sebrae-SP auxilia empreendedores

Consultores oferecem dicas de gestão de negócios e formalização; serviço municipal emitirá carteiras de trabalho

08/08/2017

Mauá faz matrículas de aprovados na Univesp até sexta

São 200 vagas para cursos à distância; Parceria com a Prefeitura traz cursos de graduação em diferentes áreas

04/08/2017

Mauá ganha Faculdade de Medicina; inscrições para o processo seletivo já estão abertas

Curso da Uninove oferece 50 vagas e duas bolsas integrais para moradores da cidade

04/08/2017

Mauá promove Mutirão Social

Evento acontece neste sábado e traz serviços de emprego, saúde e bem-estar aos moradores do Jardim São João e entorno

04/08/2017

Mauá tem 116 vagas de emprego

Há postos para setor de indústria e serviços, todos para trabalhar na cidade

04/08/2017

Mauá começa campanha antirrábica no dia 7 de agosto

Serão mais de 70 pontos de vacinação na cidade; qualquer animal com mais de três meses e com boa saúde deve ser imunizado