29/03/2010

Oswaldo Dias participa de lançamento do PAC 2 e se reúne com prefeitos da FNP
Prefeito destacou planejamento a longo prazo; programa prevê investimentos de mais de R$ 1 tri

Pedro França/ Divulgação

Oswaldo Dias, prefeito de Mauá, no lançamento do PAC 2, em Brasília

O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias, participou na segunda-feira (29), em Brasília (DF), do lançamento da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Dias vê como positiva a iniciativa do Governo Federal em lançar obras de infraestrutura pelo Brasil e enfatiza o planejamento a longo prazo do programa . “O PAC 2 vai privilegiar obras nas cidades e em setores cruciais para o desenvolvimento de um país, como energia, transportes e habitação”, comentou.

Outro destaque citado pelo prefeito de Mauá é em relação ao planejamento das obras. “O atual governo está deixando investimentos programados para 2014 e depois”, disse, ao se referir ao anúncio feito hoje pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pela ministra da Casa Civil Dilma Roussef de que o PAC 2 terá ações para os dois períodos.

Com previsão total de investimentos de R$ 1,59 trilhão, serão destinados R$ 958,9 bilhões de 2011 a 2014 e mais R$ 631,6 bilhões após-2014, o PAC 2 irá direcionar recursos para obras de habitação, mobilidade urbana, saneamento, transportes, energia e pré-sal. A segunda etapa do programa de obras do governo federal prevê, também, a universalização dos acessos aos serviços de água e energia elétrica.

Em janeiro de 2007, o primeiro PAC foi lançado com investimentos totais de R$ 638 bilhões para serem aplicados até 2010. No último balanço divulgado pelo governo federal, 46% das ações estavam em andamento ou já tinham sido entregues.

G 100

Após o lançamento do PAC 2, o prefeito Oswaldo Dias se encontrou com prefeitos da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) em um fórum de desenvolvimento econômico. Ele aproveitou para reforçar a pauta sobre o G 100 que constará da primeira reunião geral da Frente, em Florianópolis (SC), nos dias 26 e 27 de abril.

Em fevereiro, Dias havia sugerido em reunião preparatória da entidade que as 100 cidades com receita per capita inferior a R$ 1 mil e com mais de 80 mil habitantes se reunissem em um fórum para reivindicar uma outra forma de distribuição de recursos por meio do FPM (Fundo de Participação dos Municípios).

“Estamos animados com a proposta de se discutir uma nova forma de distribuição de recursos para as cidades”, afirmou.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
29/03/2010 18:05


Outras Notícias

27/03/2017

Feira de adoção animal é sucesso em Mauá

Ação garantiu um novo lar para 17 cães e gatos

24/03/2017

Mauá retoma atendimento da CPTR Móvel

Emissão de Carteira de Trabalho e intermediação de mão de obra serão oferecidos pela equipe da van

24/03/2017

Centro público de emprego oferece 11 vagas nesta semana

Maioria dos postos exige ensino fundamental e são para cargos em Mauá

15/03/2017

Residência Médica de Mauá em Psiquiatria é destaque em São Paulo

Complexidade dos casos atendidos e estímulo à pesquisa científica estão entre diferenciais

15/03/2017

Prefeitura inaugura UPA Zaíra com o 1º Pronto Atendimento Infantil de Mauá

Evento será neste domingo (19); Unidade terá também farmácia 24 horas

17/03/2017

Prefeitura prorroga vencimento do IPTU

Primeira parcela pode ser paga com desconto nas agências da Caixa até o dia 30

14/03/2017

Prefeitura de Mauá garante castração para cães e gatos

Parceria com clínica veterinária do Parque São Vicente garante atendimento para 250 animais carentes

14/03/2017

Prefeitura entrega documento de posse à moradores do Oratório

Neste sábado, mais de 100 famílias serão beneficiadas; programa deve atender 800 famílias

14/03/2017

Prefeitura celebra Semana da Mulher com série de atividades

População tem programação com serviços de beleza, saúde e empreendedorismo

14/03/2017

Expresso Mauá começa a rodar pela cidade

Três linhas atenderão moradores e reduzirão em até 30 minutos tempo de viagem