28/06/2016

Mauá sedia encontro sobre Lei Específica para a Bacia do Rio Guaió
Participantes discutiram como ocupar o território com responsabilidade ambiental

Fabiana Pontes

Durante o encontro, o Conselho Estadual de Recursos Hídricos apresentou Plano de Desenvolvimento

 

A Prefeitura de Mauá conduziu nesta terça-feira (28), reunião e oficina com equipes das prefeituras de Ribeirão Pires, Suzano, Ferraz de Vasconcelos e Poá. As cidades batalham, há mais de três anos, pela criação de Lei Específica para a Bacia Hidrográfica do Rio Guaió. Os cinco municípios e o Estado, com participação da Sociedade Civil, elaboraram propostas para a nova legislação. Hoje, acadêmicos e técnicos se reuniram justamente para alinhar os estudos e começar a formar proposta única para elaboração do projeto de lei. 

Durante o encontro, o Conselho Estadual de Recursos Hídricos apresentou Plano de Desenvolvimento e Proteção Ambiental (PDPA) para a bacia e entorno. É, na verdade, resultado de diagnóstico sobre a região. Na sequência, os participantes discutiram como trabalhar o território do manancial. Para isso, formaram grupos para tratar de eixos específicos. Entre eles, educação ambiental, recuperação e preservação, ordenamento territorial e saneamento, tanto de água esgoto quanto de resíduos sólidos. 

Segundo o coordenador do Programa Mananciais da Secretaria Estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, Ricardo Araújo, o encontro é importantíssimo para que Prefeituras e Governo do Estado se alinhem e encontrem as melhores soluções para a área. “Todos os envolvidos precisam entrar em equilíbrio para contemplar necessidades ambientais, urbanas e econômicas da região”, ressaltou. 

O prefeito de Mauá, Donisete Braga, compartilha da opinião de Araújo. De acordo com o chefe do Executivo mauaense, desde o início, os municípios mantêm relação de gestão compartilhada para consolidar políticas públicas ideais para a Bacia do Guaió. “Estamos, na verdade, preparando a região para as próximas gerações. Em Mauá, já temos uma Estação de Tratamento de Esgoto que trata 50% dos resíduos. A meta é atingir 100% de cobertura já em 2017”, enfatizou. 

Também participaram da reunião o prefeito de Suzano, Paulo Fumio Tokuzumi, o prefeito de Salesópolis, Benedito Rafael da Silva, o secretário de Planejamento de Ferraz de Vasconcelos, Antônio Carlos Ferreira, o secretário de Meio Ambiente de Poá, Marco Antônio Moreira, e a secretária de Meio Ambiente de Ribeirão Pires, Silmara Delfino.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
28/06/2016 17:29


Outras Notícias

15/08/2018

Canteiro central da avenida Jacu-Pêssego recebe serviços de zeladoria

A previsão é de que o trabalho seja concluído até o dia 24 de agosto

15/08/2018

Mauá terá coleta solidária de alimentos em supermercados

Produtos não perecíveis serão arrecadados para o Banco de Alimentos

14/08/2018

Alunos do curso de Pedagogia assistem a primeira aula no Polo Mauá da Univesp

Auditório da E.M. Cora Coralina lotou de estudantes nessa segunda-feira, 13/8

14/08/2018

Mauá comemora Dia Mundial de Combate à Poluição

A ação foi realizada na manhã desta terça-feira

13/08/2018

Serviços de zeladoria chegam à avenida Jacu-Pêssego

13/08/2018

Feira de Adoção de Animais bate recorde em Mauá

Marca histórica se deu pelo aumento de divulgação e pela parceria entre as secretarias

13/08/2018

Mauá recebe 1º Festival de Churros nesse fim de semana

Evento acontecerá na Avenida Portugal e tem o apoio da Prefeitura da cidade

13/08/2018

Prefeitura de Mauá inicia reposição de material furtado na passarela central

A previsão é de que o trabalho seja concluído até o dia 23 de agosto

10/08/2018

Aula inaugural do Polo Univesp de Mauá será na segunda-feira, 13/8

10/08/2018

Dia Mundial de Combate à Poluição terá palestra em Mauá

Evento abordará o tema “Impactos ambientais causados por ações antrópicas”