Visite a Prefeitura no Instagram Visite o canal da Prefeitura no YouTube Visite a Prefeitura no Flickr Visite a Prefeitura no Facebook Siga a Prefeitura no Twitter

26/01/2015

Prefeitura de Mauá abre inscrições para adesão à Nova Frente
Neste novo formato de atendimento, a Prefeitura fortaleceu o programa com a inclusão de formação profissional

Evandro Oliveira/ PM

No programa, o beneficiário será matriculado em curso de acordo com o perfil

 

A Prefeitura de Mauá publicou nesta sexta-feira (23), no Diário Oficial do Município, o edital de inscrições para a Frente Municipal de Inclusão Produtiva e Social, conhecida como Nova Frente. Os interessados em concorrer a uma das 225 vagas deverão comparecer entre os dias 28, 29 e 30, na Secretaria de Trabalho e Renda, com os documentos. O programa oferece formação social e profissional coordenado pelas secretarias de Administração e Modernização, Cidadania e Ação Social e Trabalho e Renda. Tem por objetivo atender a população de baixa renda por meio de cursos e serviço comunitário. O Diário Oficial pode ser acessado pelo site www.maua.sp.gov.br (dom.maua.sp.gov.br). 

Para se inscrever, os candidatos deverão levar: comprovante de residência em Mauá, certidão de nascimento ou casamento, certidão de nascimento e carteira de vacinação dos filhos menores de 14 anos, declaração de matrícula na escola de todas as crianças com idade entre seis e 15 anos, comprovante de renda, certificado de reservista, comprovante do PIS/Pasep, RG, CPF e carteira de trabalho. Pessoas com deficiência devem ainda apresentar laudo médico. 

O programa foi reformulado em 2013, por meio da Lei Municipal 4.928/13, que estabelece os critérios, benefícios e funcionamento. 

Segundo o prefeito de Mauá, Donisete Braga, as frentes de trabalho surgiram para combater o desemprego, mas hoje a cidade busca um novo formato de inclusão produtiva. “Mediante avaliação do atual contexto, busca-se um programa que contribuirá para maiores e melhores oportunidades de emprego, geração de trabalho e renda, criação e manutenção de postos de trabalho, emancipação, inclusão social e efetivas condições para o exercício da cidadania”, concluiu. 

As frentes de trabalho surgiram na década de 1990 como instrumento da estratégia de combate ao desemprego. Nesta época o governo de São Paulo criou o programa emergencial de auxílio desemprego, conhecido como Frente de Trabalho. 

Critérios - Antes de se inscrever, o cidadão deve verificar se possui os critérios de elegibilidade: ter idade entre 18 e 60 anos para mulheres e entre 18 e 65 anos para homens, estar em situação de desemprego, comprovar residência em Mauá e possuir renda familiar mensal de até meio salário mínimo por pessoa. Além de comprometer-se em manter os filhos com idade entre seis e 15 anos matriculados e frequentes na escola, matricular-se no programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) caso não seja alfabetizado, assinar termo de compromisso e responsabilidade e ser referenciado pela Secretaria de Cidadania e Ação Social. 

Funcionamento - No programa, o beneficiário permanecerá por dez meses e será matriculado em um curso de acordo com seu perfil, com jornada de 36 horas semanais, distribuídas em qualificação social (4h), qualificação profissional (8h) e prestação de serviços comunitários (24h) em que poderá aplicar os conhecimentos adquiridos. Os cursos disponíveis são: artesanato, conservação e limpeza, estética, jardinagem e paisagismo e recepção e rotinas administrativas e reciclador. 

O candidato receberá ainda uma bolsa auxílio de R$ 500,00, vale transporte para quem reside a mais de dois quilômetros do local de atividade, lanche, kit estudantil com uniforme, materiais didáticos e pedagógicos, seguro de vida, equipamentos de proteção individual (se necessário) e refeição, para atividades que ultrapassarem a carga de quatro horas diárias. 

Avaliação - Após a inscrição, a ficha do candidato é encaminhada aos técnicos do serviço de assistência social mais próximo da residência para avaliação e produzir relatório a partir de critérios de vulnerabilidade social. A lista de aprovados será enviada pela Secretaria de Cidadania e Ação Social para publicação na Secretaria de Trabalho e Renda. 

Inscrições - As inscrições ocorrem na Secretaria de Trabalho e Renda, localizada no piso superior do Centro Público de Trabalho e Renda, à rua Manoel Pedro Júnior, 45, próximo à Praça da Bíblia. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
26/01/2015 18:05


Outras Notícias

15/08/2017

Veja calendário de oficinas culinárias em agosto

Cursos gratuitos acontecem no Zaíra e na Vila Mercedes e trazem diferentes opções para agradar todos

14/08/2017

Mauá discute melhorias na saúde

Profissionais da rede pública participam de pré-conferência nesta semana sobre humanização do atendimento

11/08/2017

Mauá tem 23 vagas de emprego

Há postos para setor de indústria e serviços, todos para trabalhar na cidade

10/08/2017

Mauá terá Festival de Violeiros

Prefeitura premiará composições e artistas em festa que acontece no dia 15 de setembro na cidade

09/08/2017

Parceria entre Mauá e Sebrae-SP auxilia empreendedores

Consultores oferecem dicas de gestão de negócios e formalização; serviço municipal emitirá carteiras de trabalho

08/08/2017

Mauá faz matrículas de aprovados na Univesp até sexta

São 200 vagas para cursos à distância; Parceria com a Prefeitura traz cursos de graduação em diferentes áreas

04/08/2017

Mauá ganha Faculdade de Medicina; inscrições para o processo seletivo já estão abertas

Curso da Uninove oferece 50 vagas e duas bolsas integrais para moradores da cidade

04/08/2017

Mauá promove Mutirão Social

Evento acontece neste sábado e traz serviços de emprego, saúde e bem-estar aos moradores do Jardim São João e entorno

04/08/2017

Mauá tem 116 vagas de emprego

Há postos para setor de indústria e serviços, todos para trabalhar na cidade

04/08/2017

Mauá começa campanha antirrábica no dia 7 de agosto

Serão mais de 70 pontos de vacinação na cidade; qualquer animal com mais de três meses e com boa saúde deve ser imunizado