Visite a Prefeitura no Instagram Visite o canal da Prefeitura no YouTube Visite a Prefeitura no Flickr Visite a Prefeitura no Facebook Siga a Prefeitura no Twitter

06/06/2013

Mauá fortalece monitoramento para época de chuva com novos pluviômetros
Ao todo a cidade já recebeu quatro equipamentos semiautomáticos e outros seis serão enviados pelo Governo Federal.

Evandro Oliveira/ PM

Quatro novos pluviômetros semiautomáticos estão sendo instalados em Mauá

A Coordenadoria de Defesa Civil de Mauá iniciou a instalação dos quatro novos pluviômetros semiautomáticos, recebidos do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Governo Federal. Dois deles estão em funcionamento, na Escola Municipal João Rodrigues Ferreira, no Jardim Itaussú e no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Jardim Zaíra.

Nos próximos dias outros dois equipamentos serão instalados no Jardim Paranavaí e no Bom Recanto. Com isso, a Prefeitura aumenta a capacidade de monitoramento dos níveis de chuva, principalmente no verão. “Podemos identificar com antecedência o aumento no volume de água e antecipar o aviso aos moradores, removendo-os, se necessário e evitando tragédias”, afirmou o coordenador da Defesa Civil, Sergio Moraes.

Outro fator essencial para situações de emergência é a participação da comunidade. “A partir de julho serão realizadas reuniões com a população, para que possa ajudar na mobilização em caso de alerta”, explicou Moraes. Para chegar a oito o número de regiões monitoradas, outros seis pluviômetros automáticos serão encaminhados pelo Governo Federal para o município. Eles são capazes de emitir os dados diretamente para a central da Defesa Civil. Estes novos equipamentos serão instalados no Parque das Américas, Parque São Vicente, Vila Carlina, Jardim Guapituba, Jardim Oratório e na região do Chafic/Macuco.

A iniciativa de difundir a cultura da percepção de riscos de desastres naturais, entre a população das áreas de risco é defendida pelo Governo Federal, afirmou Agostinho Ogura, diretor do Cemaden, órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). “Esse trabalho tem o viés educacional. A população de áreas de risco será treinada para conhecer os valores a serem mostrados no monitor e, caso necessário, tomar as primeiras providências de acionar a Defesa Civil e orientar os outros moradores”, disse Ogura.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social
06/06/2013 14:45


Outras Notícias

15/12/2017

Gruta de Santa Luzia terá horário de funcionamento ampliado

Com reforço na Segurança, parque passará a ficar aberto das 6h às 19h a partir de março

13/12/2017

Prefeito assina convênio para garantir trânsito mais seguro

Parceria com o governo de São Paulo prevê liberação de recursos para execução de melhorias viárias

11/12/2017

CPTR de Mauá disponibiliza 43 vagas de emprego

São oferecidas 20 oportunidades para operador de empilhadeira em empresa de Mauá

11/12/2017

Parlapatões e Ailton Graça marcam reabertura do Teatro Municipal

Equipamento foi inaugurado em 2001 e ficou fechado por aproximadamente quatro anos

15/12/2017

Parque da Gruta de Santa Luzia é reinaugurado

Espaço de lazer ganhou novos ares com playground, academia ao ar livre, melhoria na sinalização e recomposição das trilhas, entre outras ações

09/12/2017

Mauá entrega FIEC e mais duas escolas municipais

Com os novos equipamentos, Prefeitura abre quase 1.000 vagas em educação infantil e creche

08/12/2017

No aniversário de Mauá, Prefeitura entrega PS do Nardini

Administração municipal também inaugurou o Pronto Atendimento Infantil na Vila Assis

06/12/2017

Prefeitura entrega novos equipamentos para a Segurança

Administração municipal inaugurou base 24h da GCM e central de monitoramento por câmeras

04/12/2017

Prefeitura inicia entrega de 100 ônibus zero-quilômetro

Entrega dos veículos faz parte da programação especial de aniversário da cidade

04/12/2017

No CPTR de Mauá, 39 vagas são disponibilizadas para a semana

Oportunidades são para trabalhar em Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Mogi das Cruzes